1.8.10

Feliz

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário.
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas.
Se achar que precisa voltar, volte!
Se perceber que precisa seguir, siga!
Se estiver tudo errado, comece novamente.
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a.
Se perder um amor, não se perca!
Se o achar, segure-o!

28.7.10

Recomeço

"Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas".

5.7.10

Quintana

DA FELICIDADE
Quantas vezes a gente,em busca da ventura,
Procede tal e qual o avozinho infeliz:
Em vão,por toda parte,os óculos procura
Tendo-os na ponta do nariz!


DA OBSERVAÇÃO
Não te irrites, por mais que te fizerem...
Estuda, a frio, o coração alheio.
Farás, assim, do mal que eles te querem,
Teu mais amável e sutil recreio...


DAS UTOPIAS
Se as coisas são inatingíveis... ora!
Não é motivo para não querê-las...
Que tristes os caminhos, se não fora
A presença distante das estrelas!


DA BELEZA
Dizes que a beleza não é nada?
Imagina um hipopótamo com alma de anjo...
Sim, ele poderá convencer os outros de sua angelitude
Mas que trabalheira!


DO AMOROSO ESQUECIMENTO
Eu, agora - que desfecho!
Já nem penso mais em ti...
Mas será que nunca deixo
De lembrar que te esqueci?

29.6.10

Quadrilha

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou pra tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado na história.
Carlos Dummond de Andrade

21.6.10

Beijo

"Por que me descobriste no abandono
Com que tortura me arrancaste um beijo
Por que me incendiaste de desejo
Quando eu estava bem, morta de sono

Com que mentira abriste meu segredo
De que romance antigo me roubaste
Com que raio de luz me iluminaste
Quando eu estava bem, morta de medo

Por que não me deixaste adormecida
E me indicaste o mar, com que navio
E me deixaste só, com que saída

Por que desceste ao meu porão sombrio
Com que direito me ensinaste a vida
Quando eu estava bem, morta de frio"

Chico Buarque

18.6.10

Saramargo

Hoje morreu José Saramargo, e aqui fica minha homenagem

"Se tens um coração de ferro, bom proveito.
O meu, fizeram-no de carne, e sangra todo dia."

"Não tenhamos pressa, mas não percamos tempo."

"De que adianta falar de motivos, às vezes basta um só, às vezes nem juntando todos."

"O que as vitórias têm de mau é que não são definitivas. O que as derrotas têm de bom é que também não são definitivas."

"Se podes olhar, vê. Se podes ver, repara."

14.6.10

Silêncio

Pior do que a voz que cala,
é um silêncio que fala.

Simples, rápido! E quanta força!

Imediatamente me veio à cabeça situações
em que o silêncio me disse verdades terríveis,
pois você sabe, o silêncio não é dado a amenidades.
Um telefone mudo. Um e-mail que não chega.
Um encontro onde nenhum dos dois abre a boca.

Silêncios que falam sobre desinteresse,
esquecimento, recusas.

Quantas coisas são ditas na quietude,
depois de uma discussão.
O perdão não vem, nem um beijo,
nem uma gargalhada
para acabar com o clima de tensão.

Só ele permanece imutável,
o silêncio, a ante-sala do fim.

É mil vezes preferível uma voz que diga coisas
que a gente não quer ouvir,
pois ao menos as palavras que são ditas
indicam uma tentativa de entendimento.

Cordas vocais em funcionamento
articulam argumentos,
expõem suas queixas, jogam limpo.
Já o silêncio arquiteta planos
que não são compartilhados.
Quando nada é dito, nada fica combinado.

Quantas vezes, numa discussão histérica,
ouvimos um dos dois gritar:
"Diz alguma coisa, mas não fica
aí parado me olhando!"

É o silêncio de um, mandando más notícias
para o desespero do outro.

O silêncio que perturba,
é aquele que fala. E fala alto.

É quando ninguém bate à nossa porta,
não há emails na caixa de entrada
não há recados na secretária eletrônica
e mesmo assim, você entende a mensagem
Martha Medeiros

13.6.10

Eu mudei

"Eu não tinha este rosto de hoje,
assim calmo, assim triste, assim magro,
nem estes olhos tão vazios, nem o lábio amargo.
Eu não tinha estas mãos sem força,
tão paradas e frias e mortas;
eu não tinha este coração que nem se mostra.
Eu não dei por esta mudança,
tão simples, tão certa, tão fácil:
Em que espelho ficou perdida a minha face?"
Cecília Meireles

10.6.10

Romeu e Julieta

"Assim que o amor entrou no meio o meio virou amor o fogo se derreteu o gelo se incendiou, e a brisa que era um tufão, depois que o mar derramou, depois que a casa caiu o vento da paz soprou.

Clareou, refletiu, se cansou do odio e viu que o sonho é real e qualquer vitoria é carnaval, carnaval, carnaval.

O amor não se tem na hora que se quer, ele vem no olhar. Sabe ser o melhor na vida e pede bis quando faz alguem feliz."

Procurando o autor

8.6.10

Amado

Não me basta saber que sou amado,
Nem só desejo o teu amor: desejo
Ter nos braços teu corpo delicado,
Ter na boca a doçura de teu beijo.
Olavo Bilac

6.6.10

Amigos

Durante a nossa vida:
Conhecemos pessoas que vem e que ficam,
Outras que, vem e passam.
Existem aquelas que vem, ficam e depois de algum tempo se vão.
Mas existem aquelas que vem e se vão com uma enorme vontade de ficar...
Charles Chaplin


Que eu nao perca a vontade de ter grandes amigos, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas"
Ariano Suassuna

3.6.10

Listinha de sentimentos

"Comecei uma listinha de sentimentos dos quais não sei o nome.

Se recebo um presente dado com carinho por pessoa de quem não gosto - como se chama o que sinto?

A saudade que se tem de pessoa de quem a gente não gosta mais, essa mágoa e esse rancor - como se chama?

como se chama o que se sentiu"
Clarice Lispector

1.6.10

Pinguins

Conversa entre a Divinha e eu no msn... deve ser influência do dias dos namorados que tá chegando...

Dois pinguins moravam num iceberg.
Um dia o iceberg partiu ao meio
e cada pinguim foi pra um lado
um falou: tchau, pinguim
o outro respondeu: tchau, doce de leite!

31.5.10

Preciso de coragem

É preciso coragem. Uma coragem danada. Muita coragem é o que eu preciso. Sinto-me tão desamparada, preciso tanto de proteção...porque parece que sou portadora de uma coisa muito pesada.
Clarice Lispector

30.5.10

Pedro Lucas


"Amigos homens são imprescindíveis. Quando ouço que não existe amizade entre homem e mulher por causa da possibilidade de um envolvimento amoroso, pergunto: e daí? Todas as relações incluem alguma espécie de sedução - todas.

Amigo homem é bom porque eles não falam toda hora sobre filhos, empregadas, liquidações, esses papos xaropes. Amigo homem não faz drama, ri das nossas manias, traz novos pontos de vista sobre as coisas que nos angustiam, não pede nossas roupas emprestadas, e o que é melhor, comenta sobre suas ex-namoradas e com isso acaba nos dando dicas muito úteis para enfrentar esta tal guerra dos sexos."
Martha Medeiros

29.5.10

Dia da gentileza

29 de maio é o dia da GENTILEZA... Nada mais adequado que deixar aqui um painel do Profeta Gentileza!

28.5.10

Amor de estimação

Conheço uma mulher, já quase cinqüentona, que passou boa parte da sua vida apaixonada pelo primeiro namorado. Eles tiveram um romance caliente lá nos seus 18 anos, depois se separaram e cada um tomou seu rumo. Ele casou e teve filhos, ela casou e teve filhos. Nas raras vezes em que se cruzavam pelas ruas da cidade, cumprimentavam-se, perguntavam como andava a vida de um e de outro, mas nada além disso. A verdade é que ela preservou o sentimento que tinha por ele por muitos anos, mesmo sendo feliz no seu casamento. Era um amor de estimação. Até que esse amor, tão sem ressonância, tão sem retribuição, tão sem aditivos, um dia evaporou. Perdeu o prazo de validade. Expirou.

Dia desses esta mulher recebeu um telefonema. Era ele. Oi, tudo bom? Há quanto tempo? Trivialidades de quem não se fala há anos. Ela perguntou: o que você conta? Ele respondeu que estava ligando para dizer uma única coisa: eu te amo.

Corta. Não teve happy end. Ela agradeceu o telefonema, desligaram e ambos seguiram suas vidas. Conversando com ela sobre isso, senti sua felicidade e desilusão ao mesmo tempo. Felicidade, logicamente, por ter deixado marcas profundas no coração dele: nem em sonhos ela imaginou que ele também tivesse levado esse sentimento tão adiante. E a tristeza veio da falta de ressonância, mais uma vez. Por que a demora? Por que a falta de sincronia? Como teria sido se ele houvesse dito isso alguns anos antes? Agora já não adiantava.

A beleza e a tristeza da vida podem estar em situações como esta: descobrir, tarde demais, que se ama uma pessoa. Pode acontecer até com quem está ao nosso lado neste instante. Parece que é um amor morno e sem graça, e que se acabar, tanto faz, e só daqui a muitos anos descobrir que nada era mais forte e raro do que este sentimento. Tarde demais é uma expressão cruel. Tarde demais é uma hora morta. Tarde demais é longe à beça. Não é lá que devemos deixar florecer nossas descobertas.

Martha Medeiros

26.5.10

A língua dos loucos

Quem é que nunca teve um Leandro, um Marcelo, um Mario na vida?
Tudo bem pode ser uma Juliana, uma Natália ou uma Ana...
Paquerar é bom, mas chega uma hora que cansa!
Cansa na hora que você percebe que ter 10 pessoas ao mesmo tempo é o mesmo que não ter nenhuma.
A "fila" anda, a coleção de "figurinhas" cresce, Mas e ai? O que isso te acrescenta?
Nessas horas sempre surge aquela pergunta:
Por que aquela pessoa pela qual você trocaria qualquer programa por um simples filme com pipoca abraçadinho no sofá não despenca logo na sua vida?
Se o tal "amor" é impontual e imprevisível que se dane!
Não adianta: as pessoas são impacientes! São e sempre vão ser!
Tem gente que diz que não é... Mentira!
Por dentro todo ser humano é igual: impaciente, sonhador, iludido...
Jura de pé junto que não, mas vive sempre em busca da famosa cara metade!
Pode soar brega, cafona... Mas é a realidade.
Acredito que o status de cafona surgiu porque a grande maioria das pessoas nunca teve a oportunidade de viver um grande amor.
Poucas pessoas experimentaram nesta vida a sensação de sonhar acordada, de dormir do lado do telefone, de ter os olhos brilhando, de desfilar com aquele sorriso de borboleta azul estampado no rosto...
O que sei é que se não passou por isso, não sabe o quanto está perdendo...
O problema de resistir a uma tentação é que você pode não ter uma segunda chance.
Falo a língua dos loucos, porque não conheço a mórbida coerência dos lúcidos.
Luis Fernando Veríssimo

24.5.10

Liberdade

- Ela é tão livre que um dia será presa.
- Presa por quê?
- Por excesso de liberdade.
- Mas essa liberdade é inocente?
- É. Até mesmo ingênua.
- Então por que a prisão?
- Porque a liberdade ofende.
Clarice Lispector

20.5.10

O corpo que desejo

Uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de.

Foi apesar de que parei na rua e fiquei olhando para você enquanto você passava.

E desde logo desejando você, esse teu corpo que nem sequer é bonito,
mas é o corpo que eu quero.

Mas quero inteiro, com a alma também. Por isso, não faz mal que você não venha, esperarei quanto tempo for preciso.

Clarice Lispector

19.5.10

Dani e Camis


Hoje quero falar sobre amizade e sobre "minha mais melhor amiga". No começo eu achava que nossa amizade talvez fosse apenas por uma estação, mas logo vi que não era bem assim. Poderia ser apenas isso claro, mas o dia-a-dia me ensinou mtas coisas sobre ela.

“Eu gosto de pessoas que enxergam o mundo com humor. Tem muitas pessoas em quem eu bato o olho e penso: deve ser legal ser amiga dela. É gente que não carrega o mundo nas costas, que fala olhando nos olhos, que não se leva tão a sério, que é franca na hora do sim e na hora do não. É difícil sacar as qualidades de uma pessoa sem antes conhecê-la, mas intuição existe pra isso.” Martha Medeiros

Na primeira vez que li esse texto me lembrei imediatamente da Dani! Obrigada amiga por cuidar de mim, me falar as verdades que preciso ouvir (embora eu não seja uma aluna mto aplicada), e por fazer parte da minha vida. Eu amo mto vc e sua amizade!

16.5.10

A carne é fraca?

A carne é fraca. A desculpa é esfarrapada mas é legítima. Nada é mais vulnerável que nosso desejo. Na luta entre o cérebro e a pele, nunca dá empate. A pele sempre ganha de W.O.

Você planeja terminar um relacionamento. Marca um encontro. Para sua surpresa, ele ficou triste. Não quer se separar de você. E para provar, segura seu rosto com as duas mãos e tasca-lhe um beijo. Danou-se.

Onde foi parar a sua decisão que parecia irrevogável? Você agora está sob os efeitos do cheiro dele, está rendida ao gosto dele, está ligada a ele pela pele. Seus neurônios estão fora da área de cobertura ou desligados.

Isso nunca aconteceu com você? Reluto entre dar-lhe os parabéns ou os pêsames. Por um lado, é ótimo ter controle suficiente para resistir ao próprio desejo.

Por outro lado, como é bom dar folga ao nosso raciocínio e deixar-se seduzir, sem ficar calculando perdas e danos.

A carne é fraca, mas você tem que ser forte, é o que recomendam todos. Tente, ao menos de vez em quando, ser sexualmente vegetariano e não ceder às tentações. Se conseguir, bravo: terá as rédeas de seu destino na mão.

Mas se não der certo, console-se. Criaturas que derretem-se, entregam-se, consomem-se e não sabem negar-se costumam trazer um sorriso enigmático nos lábios. Alguma recompensa há de ter.
Martha Medeiros

14.5.10

Quando você vier

Quando vieres, não venhas com a força da tempestade
Porque assustas o meu coração.

Quando vieres, não sejas como a relva da manhã, que logo evapora.

Quando vieres não chegues como a chuva de verão, que é passageira.

Não traga somente flores, mostre também tuas dores, pra juntos compartilhar.

Venha como a mansidão do rio que segue a lenta agonia de servir o mar.

Chegue todos os dias como vem o sol, pleno de luz. Traga o encantamento da lua.

Mostre as flores na primavera, as cores da aquarela, e a vontade de se dar.

Veja meus braços abertos, segredos desertos, minh’alma lavada, sem pressa, sem nada, a te esperar!

Quando vieres...que seja sempre real, sincero e verdadeiro e que você venha para sempre!!!!

Renato Paes

11.5.10

Cheia de dúvidas!

Dúvidas, dúvidas, dúvidas! É assim que minha cabeça anda, cheinha delas... E o que fazer? Ahh, se eu soubesse não seriam dúvidas!

O fato é que preciso decidir, já pensei, pensei, pensei, mas continuo sem saber... Já me arrependi por arriscar, e já me arrependi por não arriscar... então o que fazer??? “E agora José?”

Dúvidas, cada um com as suas. Uma hora consigo decidir, e depois descubro se fiz certo ou não... Enfim, são elas, as dúvidas que nos mantém acordados nesta vida.

“Ou nossas dúvidas funcionam como um estimulante natural, ou nossas certezas terminarão com qualquer interesse pelo que vem pela frente.”

“Pelo o que me diz respeito
Eu sou feita de dúvidas
O que é torto, o que é direito
Diante da vida
O que é tido como certo, duvido
E não minto pra mim
Vou montada no meu medo
E mesmo que eu caia
Sou cobaia de mim mesma
No amor e na raiva
Vira e mexe me complico
Reciclo, tô farta, tô forte, tô viva
E só morro no fim
E pra quem anda nos trilhos cuidado com o trem
Eu por mim já descarrilho
E não atendo a ninguém
Só me rendo pelo brilho de quem vai fundo
E mergulha com tudo
Pra dentro de si
Lá do alto do telhado pula quem quiser
Só o gato que é gaiato
Cai de pé...”
Martha Medeiros

7.5.10

Seja feliz e pronto

A idiotice é vital para a felicidade. Gente chata essa que quer ser séria, profunda e visceral sempre.

A vida já é um caos, por que fazermos dela, ainda por cima, um tratado? Deixe a seriedade para as horas em que ela é inevitável: mortes, separações, dores e afins.

No dia-a-dia, pelo amor de Deus, seja idiota! Ria dos próprios defeitos. E de quem acha defeitos em você.

Milhares de casamentos acabaram-se não pela falta de amor, dinheiro, sexo, sincronia, mas pela ausência de idiotice. Trate seu amor como seu melhor amigo, e pronto.

Quem disse que é bom dividirmos a vida com alguém que tem conselho pra tudo, soluções sensatas, mas não consegue rir quando tropeça?

Ha ha ha ha ha ha ha ha!

Alguém que sabe resolver uma crise familiar, mas não tem a menor idéia de como preencher as horas livres de um fim de semana?

É bem comum gente que fica perdida quando se acabam os problemas. E daí, o que elas farão se já não têm por que se desesperar?

Tudo que é mais difícil é mais gostoso, mas... A realidade já é dura; piora se for densa. Dura, densa, e bem ruim.

Brincar é legal. Entendeu?

Esqueça o que te falaram sobre ser adulto, tudo aquilo de não brincar com comida, não falar besteira, não ser imaturo, não chorar, não andar descalço, não tomar chuva.

Pule corda! Adultos podem (e devem) contar piadas, passear no parque, rir alto e lamber a tampa do iogurte.

Ser adulto não é perder os prazeres da vida - e esse é o único "não" realmente aceitável. Teste a teoria.

Uma semaninha, para começar. Veja e sinta as coisas como se elas fossem o que realmente são: passageiras.

Acorde de manhã e decida entre duas coisas: ficar de mau humor e transmitir isso adiante ou sorrir...

Bom mesmo é ter problema na cabeça, sorriso na boca e paz no coração!

Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus, confie e espere só NELE e pra relaxar que tal um cafezinho gostoso agora?

"A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios". "Por isso cante, chore, dance e viva intensamente antes que a cortina se feche".

Seja você mesmo sempre e VIVA A VIDA!!!!

Arnaldo Jabor

6.5.10

Perda de tempo

"Sempre desprezei as coisas mornas, as coisas que não provocam ódio nem paixão, as coisas definidas como mais ou menos, um filme mais ou menos, um livro mais ou menos.
Tudo perda de tempo.
Viver tem que ser perturbador, é preciso que nossos anjos e demônios sejam despertados, e com eles sua raiva, seu orgulho, seu asco, sua adoração ou seu desprezo.
O que não faz você mover um músculo, o que não faz você estremecer, suar, desatinar, não merece fazer parte da sua biografia."

(trecho de O Divã)

Martha Medeiros

4.5.10

Não fazer + nada!

"Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue;outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho... o de mais nada fazer."
Clarice Lispector

3.5.10

Acordei triste

Hoje acordei triste, foi difícil sair da cama, mesmo sabendo que o sol estava se exibindo lá fora e o céu convidava para a farra de viver, mesmo sabendo que havia muitas providências a tomar, acordei triste e tive preguiça de cumprir os rituais que faço sem nem prestar atenção no que estou sentindo, como tomar banho, colocar uma roupa, ir pro computador... Hoje não foi um dia como os outros, hoje levantei devagar e tarde e não tive vontade de nada.

“Tem dias que não estamos pra samba, pra rock, pra hip-hop, e nem por isso devemos buscar pílulas mágicas para camuflar nossa introspecção, nem aceitar convites para festas em que nada temos para brindar. Que nos deixem quietos, que quietude é armazenamento de força e sabedoria, daqui a pouco a gente volta, a gente sempre volta, anunciando o fim de mais uma tristeza – até que venha a próxima, normais que somos.”
Martha Medeiros

2.5.10

Amizade


"Amigo é aquele que sabe tudo a seu respeito e, mesmo assim, ainda gosta de você."
Kim Hubbard

"Repreende o amigo em segredo e elogia-o em público."
Leonardo da Vinci

"Guarda teu amigo sob a chave de tua própria vida."
William Shakespeare

"Quando um homem é bom amigo, também tem amigos bons."
Maquiavel

"Fácil é ser colega, fazer companhia a alguém, dizer o que ele deseja ouvir. Difícil é ser amigo para todas as horas e dizer sempre a verdade quando for preciso. E com confiança no que diz."
Carlos Drummond de Andrade

1.5.10

Amores!

"Três amores... Quem me deu
Tão estranha sorte assim?
Três amores, tenho-os eu
E nenhum me tem a mim!"

"Se tu me amas, ama-me baixinho
Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres, enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amado,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda..."

Mario Quintana

30.4.10

Caso

Pode ser mais um capricho
pode ser uma paixão
pode ser coisa de bicho
Pode não.

Pode ser já por destino
pelos astros, pelos signos
por uma marca, uma estrela
talvez já estivesse escrito
na palma da minha mão.
Talvez não...

Talvez até nem fique
nem signifique nada
nem me arranhe o coração
pode ser só uma cisma
pode estar só de passagem
Ou não.

Bruna Lombardi

29.4.10

Medo do novo

"Mas tenho medo do que é novo e tenho medo de viver o que não entendo - quero sempre ter a garantia de pelo menos estar pensando que entendo, não sei me entregar à desorientação."
Clarice Lispector

28.4.10

Felicidade

"Quantas vezes a gente,em busca da ventura,
Procede tal e qual o avozinho infeliz:
Em vão,por toda parte,os óculos procura
Tendo-os na ponta do nariz!"
Mario Quintana

26.4.10

Tenho juizo

"Tenho juizo, mas não faço tudo certo, afinal todo paraíso precisa de um pouco de inferno!" Martha Medeiros

25.4.10

Meu amor inesquecível

Ontem encontrei alguém que durante anos me tirou o eixo… sabe aquela história que “na vida todos temos um segredo inconfessável, um arrependimento irreversível e um amor inesquecível”? Esse era meu amor inesquecível... mas ontem td foi diferente, eu estava indiferente! E me lembrei de um texto da Martha Medeiros “O amor não acaba, nós é que mudamos”. Ela diz: “O que acaba são algumas de nossas expectativas e desejos, que são substituídos por outros no decorrer da vida... O amor não acaba. O amor apenas sai do centro das nossas atenções. O tempo desenvolve nossas defesas, nos oferece outras possibilidades e a gente avança”. Fica a dica de leitura!

23.4.10

Mil vezes Clarice

Minha máxima: "Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato... Ou toca, ou não toca."

"Liberdade é pouco. O que eu desejo ainda não tem nome."

Perca um livro

"Perca um Livro é uma iniciativa que pretende trazer uma prática internacional de incentivo à leitura. A idéia é perder um livro em lugar público para ser achado e lido por outras pessoas que, então, farão o mesmo."

Antes de perder seu livro cadastre-o, assim poderá acompanhar os caminhos percorridos por ele, acessando: http://www.livr.us/

Divirtam-se

Apresentação

Oi galera, essa é minha primeira postagem e decidi começar explicando porque resolvi criar esse blog...
A primeira idéia era que fosse exclusivo à Clarice Lispector, minha favorita, mas também sou apaixonada pela sutileza dos versos de Mario Quintana, pelas palavras de Martha Medeiros... Então decidi criar um espaço dedicado aos poetas em geral, e assim dividir textos, frases, citações, crônicas, enfim tudo aquilo tenha a ver comigo e com meu estado de espírito do momento. Espero que gostem...